Siga por e-mail

Seguidores

sábado, 11 de fevereiro de 2012

Deusa Tríplice




Sou a Terra que o sustenta Meu Sopro é o Ar que você respira. Sou o Fogo que arde dentro do seu coração. Sou a Agua que gera e fertiliza. Estou em tudo, nos céus, nas estrelas e no mar. Estou dentro e fora de você. Sou a Senhora da Vida e meus são os poderes dos elementos.




Para nós Wiccanianos, a Deusa é tríplice, mas ao mesmo tempo uma única Divindade.
A Deusa não é uma Divindade transcendente, afastada de sua criação. Ela é imanente. Existe e está presente em todos os espaços, lugares, momentos.
Algumas vezes ela pode se manifestar com o sussurro dos ventos. Está dentro e fora de nós. Pode estabelecer comunicação conosco por meio de nossos pensamentos, atitudes, palavras, gestos. Ela pode se comunicar conosco através de uma manchete de jornal, pela palavra doce ou repreensiva de um amigo, pelo sorriso de uma criança ou pelo cruzar de um pássaro nos céus. Outras vezes, Ela não se comunica conosco por nenhuma dessas formas, mas pelos sentimentos. Podemos sentir sua presença e amor quando estamos sós e tristes. Ela pode confortar nosso coração quando passamos por problemas. Sempre está por perto nos dando a sensação de que somos parte de Tudo.
Na Wicca, a Deusa carrega em si a triplicidade de Donzela, Mãe e Anciã. Elas representam os aspectos da vida que todas as mulheres passarão um dia, mas vai muito além disso. Cada Uma delas simboliza as inúmeras possibilidades de vida como:
Nascer/viver/morrer
Manhã/tarde/Noite
Frio/morno/quente
Juventude/maturidade/velhice
Criação/desenvolvimento/conclusão

A Deusa apareceu em inúmeras culturas assumindo uma de suas três faces: Donzela, Mãe ou Anciã. Muitas Deusas ao redor de diferentes mitos parecem representar um destes aspectos, porém algumas são ao mesmo tempo os três em uma só: Exemplo:
Afordite é para os Gregos, o que Vênus é para os Romanos e Freya é para os Nórdicos.
Os arquétipo original da Mãe existe sem fronteiras – Ela se expressa como:

Gaia é na Tradição Grega, Danu na Celta, Isis  para os Egípcios e Pachamama para os Incas

A Deusa foi  o primeiro culto venerado, o primeiro princípio feminino.

As primeiras aparição de Deusas foram as Deusas da Fertilidade, não existiam Deuses homens até os tempos romanos todas as esculturas eram do princípio feminino.
A primeira estatueta fora encontrada no período neolítico há 7.000 anos a.c.
As estatuetas eram de mulheres de seios fartos, quadris grandes, associadas a mãe, a vida e a fertilidade. A elas foram dado o nome de Vênus. Eram feitas de barro, esculpidas em pedras, desenhadas em rocha.

Não precisa ver a Deusa como uma pessoa e sim como uma energia, como a personificação da Natureza. A Lua em suas faces, a natureza que tudo constrói da vida e tudo destrói, dando a morte de todas as coisas.
Assim a Deusa é criadora e destruidora. Pois assim a natureza o é. A natureza dar o que recebe. Tudo vem dela e tudo a ela retornará. A natureza varre tudo que não serve para ela.
O Equilíbrio
Antigamente todos viam as mulheres como algo sagrado, todas as crianças só tinham o nome da mãe e elas que apresentavam o filho para a comunidade. Mas nem por isso existia desigualdade entre homens e mulheres. Só na época patriarcal que a criança recebeu o nome do pai ou dos 2

Os 3 princípios da Wicca:
Imanência – Como a Deusa se manifesta, estando em tudo e em todos
Interconexão – Um está ligado ao outro – Uma grande Teia
Comunidade – Magos e Bruxas unidos honrando a Deusa
 

A Donzela – O desabrochar da Vida

A Donzela também chamada de Virgem, Filha ou Jovem. É o primeiro aspecto da Deusa. “Sagrada Virgem” era o título conferido as sacerdotisas de Ishtar e Afrodite. Mas esse título não está representado a Virgindade, mas simplesmente ao termo “Não Casada”, já que a sexualidade não é denegrida ou negada nas Tradições da Deusa. Exatamente por causa disso não há  necessidade de  associar a Virgindade a Donzela.
O aspecto de Donzela da Deusa nos aparece como uma mulher jovem, desabrochando para a vida, explorando sua sexualidade e aprendendo sobre sua beleza.
Esse aspecto da Deusa está ligada a primavera, a Terra e flores desabrocham. A Terra desperta de seu sono de inverno e começa a procriar novamente. A primavera é o momento de novos inícios, do começo.
Na estatuetas ela é representada como uma mulher adolescente, ou por uma jovem por volta de seus 20 e poucos anos. Sua cor sagrada é o branco, a cor da pureza, da neve que degela dando passagem a primavera, tempo de celebrar a Donzela. E a Lua crecente.
Vocês conseguem perceber a associação a Roda do Ano, aos Sabats, neste período de Primavera ou seja em Imbolc, Ostara... cultuamos Deusas Donzela que estão ligadas a este período da Roda.

Alguns aspectos da Deusa Donzela em várias culturas:
Diana
Perséfone
Ártemis
Ariadne
Atena
Afrodite
Aine
Eostre


Deusa Mãe: A Fertilizadora e Mantenedora

O segundo aspecto da Deusa é a Mãe, também chamada de Amiga, Amante, Guerreira ou irmã.
Ela é considerada a grande Mãe, a Mãe Natureza, que significa também a Criadora e Doadora da Vida de Todas as coisas animadas e inanimadas.
Mares, fontes, lagos e poços sempre foram considerados símbolos femininos na religiosidade arcaica.
A face da Mãe é sem dúvida a mais conhecida em muitas culturas antigas.
Muitas  das figuras encontradas por arqueólogos representa a Deusa como uma mulher grávida, e mostra mulheres com seios fartos, representando a fertilidade. Mas elas não só vistas dessa maneira. Muitas Delas trazem uma criança no colo, simbolizando o filho da Deusa., que irá crescer e se tornar seu consorte, companheiro.
Ela, a Deusa Mãe é representada pelo Verão. No verão as frutas estão maduras, prontas para serem colhidas. Neste período a Deusa se torna grávida para dar a luz no Inverno.
Outra representação para que associamos a roda do ano- Sabats – A Deusa engravida no verão, Beltane.
A cor sagrada da Deusa Mãe é o vermelho,a cor do sangue que gera e doa a vida. A face lunar associada a ela é a Lua cheia.
Alguns aspectos da Deusa Mãe:
Deméter
Í sis
Gaia
Brigit
Entre outras...



Anciã – Conhecedoras dos Mistérios

O terceiro aspecto da Deusa é a Anciã. Também chamada de velha, Avó, parteira e Sábia.
Ela talvez tenha se tornado o aspecto mais temido da Deusa. Principalmente porque uma das suas funções é a morte. Mas aqueles que conhecem os mistérios da Deusa sabem que a morte é apenas um ciclo de transição, por isso não a temem. Na natureza é representada pela morte de uma planta, arvore etc. Mas com a morte sempre vem o renascimento. A Anciã sempre nos traz a promessa da donzela e assim o ciclo nunca termina. O mesmo poder que leva a morte é o que traz a vida.
A Anciã é a Guardiã do conhecimento oculto, dos mistérios e da sabedoria mágica, a Rainha do submundo, a sombra e todos os segredos que só a idade pode nos proporcionar. A anciã é a Deusa tríplice por ela própria, pois já passou por todos os aspectos da Deusa. Isso a transforma em uma mulher sábia, capaz de nos guiar pelas sombras.
Ela é associada ao inverno, um período de transições e transformações. Sua cor sagrada é o preto e sua fase Lunar é a minguante.
Associação a Roda do Ano- sabat – Mabon- Samhain.
Alguns exemplos de Deusas anciãs:
Hécate
Ceridwen
Macha
Morrigu
Kali
Baba Yaga

A Deusa Negra

Este aspecto da Deusa não é lembrado em sua triplicidade
É o aspecto mais misterioso, violento e temperamental da Deusa.
Muitas Deusas negras estão associadas a destruição, por exemplo a Deusa Kali, que é a suprema Deusa Mãe dos Hindus, é considerada a senhora da destruição, é vista como violenta em sua natureza. Na natureza está associada a catástrofes.
O trabalho na Wicca com esta face da Deusa é importantíssimo para o entendimento da própria religião da Deusa. Pois nos ajuda a buscar o propósito de nossa vida.
A cor sagrada da Deusa é o Negro / preto, Sua Lua sagrada é a Lua negra, aspecto lunar que ocorre de três a um dia da entrada oficial da Lua Nova.

Alguns exemplos de Deusas Negras:

Hécate
Kali
Lilith
Baba Yaga
Morrigu

Resgatar todos os nomes e formas da Deusa é algo praticamente impossível, pois suas tradições e culto estiveram presentes em inúmeras e diferentes civilizações.
Você como wiccaniano pode ver a Deusa através de uma Energia, natureza a Lua ou procurar uma dessas representações na forma de Donzela, Mãe, Anciã ou Negra para invocá-la e cultuá-la. Muitas Deusas também são representadas na forma de animais como Bast - gato
Todas as Deusas são a DEUSA, e essa é a mais pura verdade. (Ditado Wiccaniano)
A Deusa não é uma coisa do Passado. Ela sobreviveu através dos tempos e vive no coração e na vida de muitas pessoas ao redor do mundo.
Ela nos convida a fazer uma reavaliação de nossa vida, capaz de trazer mudanças e transformações significativas para cada um de nós.







 ESTABELECENDO CONTATO COM AS DEUSAS

Todas as Deusas do mundo são diferentes faces da Grande Mãe e quando estabelecemos contato com uma de suas faces ficamos mais sintonizados e harmonizados com os ciclos da Natureza. Faça em seu santuário oferendas com flores, frutos, vinho, pão... Recite cânticos, poesias, orações... Quanto mais você tiver seu altar ativado mais a Deusa se aproximará de você para tocá-lo. Há um outro ditado no meio dos Wiccanianos que diz:
“ Ela muda tudo o que toca, tudo o que ela toca, muda”. E você perceberá o toque o chamado da Deusa cada vez mais fundo em seu coração.

Chame a presença da Deusa e do Deus para sua vida
Treinar nossa mente, alma e coração para ouvir a voz dos Deuses é uma das experiências mais enriquecedoras.
Nossa mente foi treinada para acreditar que o Divino está separado de nós e por isso é preciso desprogramá-lo  deste pensamento separatista.
Na wicca percebemos a presença da Deusa e do Deus em todas as coisas, naquilo que está dentro e fora de nós. Invocar significa fazer algo se tornar presente.
Sendo assim, acostume-se a chamar o sagrado a fazer parte de sua vida e de suas ações tornando-as mágicas.
Aqui encontra-se uma invocação que pode ser feita diariamente à Deusa e ao Deus. Você pode proferi – La olhando para  sol, para a Lua, altar, natureza.
Acenda uma vela da cor de uma das faces da mãe: Branca, vermelha ou preta , e se for para o Deus Branca ou verde e um incenso de sua preferência no altar como oferenda para os Deuses. Então diga:
“ Deusa e Deus
Eu peço por suas bênçãos neste dia para que eu possa conhecer o seu amor
Conforme as folhas mudam e Caem, ajude-me a transformar e libertar tudo aquilo que não me serve mais.
Eu peço que estejam em minha mente para que meu pensamento seja claro e liberto de julgamentos
Estejam em meus olhos, para que eu possa reconhecê-los em todas as coisas
Estejam em minha boca, para que eu fale somente a verdade
Estejam em  minhas mãos.para que eu construa um mundo de altos propósitos
Estejam em meus pés, para que eu possa caminhar gentilmente em seu colo sagrado.
Eu peço sua orientação
Despertem meus conhecimentos para que eu me mova profundamente no silêncio de minha alma para honrar os dons e bênçãos que se concedem.
Que sua presença me envolva e que eu nunca esteja sozinho.
Que assim seja!

Ritual de resolução de conflitos
Você pode realizar este ritual quando quiser resolver algum conflito com alguém ou apenas ficar protegido.
Você vai precisar:
Uma vela rosa
Óleo de rosas
Um rubi ou cristal granada

Unte a vela com óleo, eleve suas freqüências para uma vibração de amor e perdão enquanto unta esta vela.
Inspire e respire várias vezes, imaginando tudo de ruim saindo e tudo de bom entrando
Sente-se na posição de meditação
Deixe os pés em contato com o chão e descanse as mãos no colo, segurando o cristal sobre as palmas das mãos unidas.
Assim sua energia faz uma volta completa, formando um círculo mágico a sua volta. Agora comece a imaginar que vc está sentado sobre um globo de luz cor-de – rosa, repleto de amor. Se você sabe quem está lhe mandando negatividade, imagine essa pessoa sentada diante de você. Se você não sabe, afirme que quem estiver lhe enviando negatividade se faça presente diante de você. Neste momento entre dentro desta bolha e irradie amor para esta pessoa durante 5 minutos. Encerre a meditação despedindo-se da pessoa e retorne para o momento presente. Faça essa meditação sempre que achar necessário. E vá observando as atitudes desta a sua volta.


BLESSED BE





 Fonte: Todas as Deusas do Mundo (Claudiney Prieto)






Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.