Siga por e-mail

Seguidores

quinta-feira, 22 de março de 2012

O Maypole na Bruxaria



{Autoria da Nadia Bertolazzi.}


O Maypole [é o "Mastro de Maio"é de origem romana, era feito pra homenagear a Deusa Flora e foi levado pelos romanos às Ilhas Britânicas. O Maypole é um mastro de bétula (árvore da fertilidade), coroado com uma guirlanda de flores e, pendendo dessa guirlanda, há fitas vermelhas e brancas. As mulheres então pegam as fitas vermelhas, e ficam todas de um lado. Os homens pegam as fitas brancas, e ficam todos do outro lado, olhando pra cara das mulheres. Então, homens e mulheres começam a caminhar em direções opostas, ao encontro um do outro, entrelaçando suas fitas.


Aí você diz:  "Ai, que chato, fica mais legal quando é com várias cores diferentes." Mas espere até eu explicar o motivo.

As fitas vermelhas das mulheres representam o sangue menstrual. As fitas brancas dos homens representam o sêmen. Quando se junta sangue menstrual e sêmen, obtém-se o que os ocultistas chamam de "Ouro Rubro", de grandes propriedades mágicas. Esse é o significado do Maypole: um Ouro Rubro coletivo. Simbolicamente, é uma grande suruba. De fitinhas. ^_^

Um comentário:

  1. Não acho que seja necessariamente o "sangue menstrual", mas a própria libido da mulher, seus fluídos eróticos, até porquê, em algumas correntes esoteristas o sexo (sagrado) não é praticado nesse período, onde simboliza a morte, a involução, muito menos a ejaculação. E a questão alquímica, como bem nos mostrou Jung, é mais complexa do que parece pois, as três fases, a Nigredo, a Rubedo e a Albedo pressupõem todo um trabalho psicológico e um avanço moral, juntamente com o domínio dos elementos. Talvez o "ouro rubro" seja o resultado bem sucedido da Rubedo para se obter o ouro filosofal, produzido dentro do próprio alquimista. Realmente muito interessante esses estudos! Abraço!

    ResponderExcluir

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.