Siga por e-mail

Seguidores

segunda-feira, 26 de março de 2012

Os Planetas


OS  PLANETAS



SOL - (rege o signo de Leão)

O Sol é o centro do nosso sistema solar, ele comanda, organiza, dirige e mantém todos os planetas que gravitam à sua volta.
Também em nosso horóscopo, o Sol representa a parte importante de nossas vidas, vitalizando e desvitalizando a casa onde se encontra.
O Sol sempre indica a vitalização das coisas, simboliza o pai, a autoridade, o governo, o comando de todas as áreas. O Sol está ligado ao controle interno quetemos, aquilo que nos leva a organizar a estrutura que está à nossa volta, a Casa onde ele se encontra, é onde seremos capazes de vitalizarmos e desvitalizarmos. Como aspectos benéficos do Sol, temos a honra, a lealdade, a auto confiança e todos os sentimentos dignos. Aspectos passivos do Sol, ocasionam a vaidade, a arrogância, o egoísmo, o ódio e a imposição. Com aspectos fluentes (positivos) temos energia, força interior, capacidade de organização e comando; com aspectos pressionantes (negativos) causa a insegurança, a fraqueza interna, a falta de força e coragem.
O Sol bem aspectual traz capacidade de magnetismo, atração que comanda o aspecto perpetuador, conservador e aumentador do princípio vital.
O símbolo do Sol é um ponto dentro de um círculo; o ponto representa a individualização da energia criadora, concentrada e centralizada, irradiando para um círculo maior de manifestações infinitas.
O Sol representa a fagulha, a centelha Divina de vida, que anima e sustenta toda a manifestação seja concreta ou abstrata, visível ou invisível. Todas as pessoa têm o Sol dentro de si (individualização), capacidade de centralização, organização e magnetismo pessoal. A diferença está em que, misturada esta energia com a Casa e o Signo onde está, produz variações. A Terra, sendo regida pelo Sol central, irradia dentro de si um campo de emanação e sensibilidade onde se acham presentes os 3 aspectos: o impulso criador de sustentação e perpetuação do mesmo, a transformação, e o retorno ao principio vital.
O Ser humano possuí também essa essência vital criadora, que o anima e sustenta, formando também a esfera de emanação e sensibilidade, que se encontra representada no Horóscopo.
A partir daí, é fácil compreendermos como é importante a posição do Sol dentro do Horóscopo, pois de acordo com o Signo e a Casa, poderemos identificar qual a característica da capacidade vital criadora de determinada individualização.
No plano humano, a posição do Sol, está relacionada também com a vitalidade do indivíduo, sua capacidade criadora no plano mental e sua maneira interna de ser. A pessoa raciocina e racionaliza como o Signo Solar, age e manifesta-se como o Ascendente, e se relaciona com o meio e emocionalmente, com o Signo Lunar. Conforme, a posição do Sol, podemos criar e sustentar a vida, obter êxito, expansão, sucesso, apoio de autoridades e pessoas influentes, somos capazes de organizar, atrair, dirigir, governar, encontrando o reconhecimento de nossos méritos e capacidades.
Os ângulos ativos do Sol, indicam uma personalidade atraente, com ideais elevados, dignidade, capacidade de julgar, de dirigir e de se impor perante os ambientes e situações, encontrando apoio e proteção de pessoas influentes e importantes. Dá também, grande vitalidade, força mental e magnetismo pessoal.
Os ângulos passivos do Sol, de acordo com os Planetas em ação, inclinam ao exagero, conferem a diminuição do magnetismo, do atrativo, da alegria de viver e conseqüentemente produz, falta de confiança em si e nos outros, egocentrismo, indisciplina, julgamentos errados, mágoas e amor próprio ferido. Biologicamente o Sol está relacionado com os órgãos vitais, coração, fígado e baço, e bem aspectual rege a vitalidade, o poder de recuperação e saúde em geral.
Socialmente o Sol está relacionado, com o pai, com o governo e pessoas influentes em nossos destinos. A relação do Sol com a 5a Casa do Horóscopo, se apresenta também em tudo que nos traz alegria de viver, amor, as diversões, os jogos, os esportes e a vida social.
Os lugares onde se procura educar, dirigir, orientar, estimular o que está reconhecendo com valor. Por exemplo: a arte, a criatividade, beleza e o brilho social.

O Sol rege o signo de Leão e, na Mitologia, é Apolo, o deus da Luz e dos oráculos, deus que tudo vê e que tudo mostra, nos indicando a forma clara, verdadeira e honesta com que devemos nos relacionar, fazendo o possível para que tudo fique sempre esclarecido.




LUA - (rege o signo de Câncer)  


·     Emoção. O lar, a família, a mãe. As memórias do passado. Auto-imagem. Como eu sinto. Rege o estômago, útero e seios. A Lua está intimamente ligada a todo tipo de experiências emocionais de um indivíduo. É um dos pontos mais frágeis de um tema natal. Se o Sol é o principio masculino, a Lua é o feminino. Maternidade. "O Sol cria, mas é a Lua que da' forma 'a sua criação"(*). A forma de expressão de um sentimento é indicada pelo signo onde a Lua está. A Casa Zodiacal onde cai a Lua, É o local onde ela expressa melhor sua emotividade, e o tema dessa Casa, assume uma característica muito importante e marcante na vida de uma pessoa. Como dizem alguns, a Lua traz os resquícios da vida anterior (.isso para quem acredita na hipótese de 'muitas vidas').



A Lua, na Astrologia, indica os seus modelos e necessidades emocionais mais profundos, a sua receptividade e capacidade de reflexão. Ela também está associada ao sonho, à imaginação ou a algo que primeiro fica incubado dentro de você para surgir noutro momento, como a gestação, que é feita na escuridão.


Você precisa respeitar o movimento de interiorização da sua Alma, dar tempo para que de fato ela possa lhe guiar no auto conhecimento, da mesma forma que acontece quando colocamos uma sementinha na terra: temos que esperar um tempo para que ela possa brotar.


Quando você utiliza a "sua lua" da pior forma, pode tornar-se ansioso, escandaloso e inconstante. Esse é o jeito da psique sinalizar o quanto você está afastado de si mesmo. Por outro lado, quando consegue aproveitar o que há de melhor nela, você torna-se uma pessoa que corre atrás de seus próprios sonhos, está sempre animada e disposta e, com isso, todos podem notar o seu encanto.



A Lua rege o signo de Câncer e, na Mitologia, está associada à Ártemis ou Diana, a caçadora virgem dos bosques, nos lembrando que devemos ser sempre e, antes de mais nada, caçadores de nós mesmos.



  No Sistema Solar, a Lua, reflete a luz solar, é o satélite da Terra, agindo como elemento de ligação e relação entre o Sol e a Lua. No Horóscopo, também, a Lua funciona sempre como elemento de ligação e troca, entre o meio externo e o meio interno.
A Lua, é a relação emocional do indivíduo com o meio em que vive, a família, são as impressões que são marcadas à níveis inconscientes.
A Lua representa os sentimentos originais sobre nós próprios, ou seja, é a auto imagem daquilo que somos e transmitimos. Em Astrologia, a Lua é o reflexo daquilo que fomos no passado (em outras vidas), dependendo de sua posição, aspectos e signos, são modelos específicos mentais e emocionais que nos ensinam ou ajudam na busca da alta expressão.
A Lua é associada também com as condições da infância e da relação com os pais, principalmente, com a mãe.
A Lua é todo um processo de experiência vivida, impressa no emocional. Todas s impressões emocionais do indivíduo estão marcadas na posição da Lua. Se queremos, de certa forma, retornar ao passado para saber como as pessoas carregam suas vivências, devemos olhar a posição ou os aspectos do signo da Lua. Ela está ligada ao sentimento, aquilo que se exprime em mim e que eu levo como experiência emocional. É exatamente o contrário de Saturno (que rege o signo oposto), aquele que Lua rege, que é a experiência vivida através de passo a passo da razão.
Saturno é a própria experiência, é o fator concreto da minha vida, é o que vivi ontem e vivo por 24 horas.
A Lua pode viver 24 horas, como pode levar 1 segundo, ou 1 minuto, para ela não existe tempo, pois a emoção é temporal.
Assim como só os leoninos fixam a energia pura (Sol), só os cancerianos (da lua) terão a emoção pura. Quem tem o Sol em Leão, terá a energia leonina pura e quem tem a Lua em Câncer, terá energia emocional pura.
A Lua não é afeto no sentido de desejo (aquilo que eu amo, que eu gosto, e que quero), ela é sentimento (é o que quer) o que eu sinto a respeito das pessoas (é o que transmite à elas). A Lua (como satélite no céu) é um reflexo de nós mesmo. Ela representa muito, o que eu transmito muito para as pessoas à meu respeito. Exemplo: eu ajo de forma sagitariana, mas em minha relação com as outras pessoas, eu transmito em emocional (ariano) é onde eu tenho a minha Lua. Emoção é coisa que não se pode deixar de transmitir, mesmo que a Lua esteja em capricórnio que dá certa timidez, retraimento e fechamento emocional, colocando barreiras de frieza, para não entrar no emocional, há emoção, enquanto energia não fica escondida. É através da Lua que veremos a imagem da pessoa que reflete para os outros. Exemplo: a pessoa poderá ter determinado aspecto de insegurança no mapa, porém, tendo a Lua em Leão, transmite aos outros uma imagem de segurança, centralização, somente quem a conhece profundamente vai perceber que esta pessoa tem um problema.


A Lua é um símbolo (Yin) feminino e está relacionado ao Signo de Câncer, que é emocionalidade, proteção, imagem materna. Não é que a Lua seja a nossa mãe, mas é através da posição do signo e dos aspectos do mapa, que manifestamos a relação com a nossa mãe.
Num Horóscopo feminino, a Lua representa muito o lado feminino da mulher, o lado materno, em Horóscopo masculino, ela representa a imagem que o homem faz da mulher mãe e à relação com a figura materna. As pessoas que tem o Sol em conjunção com a Lua, normalmente são fechados, sentem as coisas e rebatem para dentro de si, não as jogam para fora. Exemplo: a mulher que tem essa conjunção no mapa fica extremamente Solar, falta-lhe sensibilidade. Quando a Lua está cheia, dizem que ela está em oposição ao Sol, assim reflete toda a luz solar e transmite o magnetismo do Sol ampliado, (no mapa) também deve estar em oposição ao Sol, é característica de uma pessoa aberta, expansiva (reflete mais o que lhe vai dentro). Quando a Lua começa a minguar, a luz solar deixa de ser refletida, até chegar à nova onde não há reflexão. Aí ela não transmite o magnetismo solar, é como se ela rebatesse a luz de volta para o Sol. Isto se dá, quando em conjunção com o Sol, não transmite o interior. Na Lua Nova, o magnetismo do Sol não está ampliado, as coisas crescem para dentro, isto é, fortificam suas raízes, pois o magnetismo do Sol, não as puxa em direção à ele. A junção da Lua na agricultura é muito grande, por isso, na Lua Novadevem ser plantadas as hortaliças, que são raízes, como cenoura, nabo, que devem se fortificar dentro da terra. Assim também a Lua, tem influência sobre o nosso emocional, e para o corte de cabelo, é importante observar a posição da Lua.



MERCÚRIO - (rege  Gêmeos e Virgem)

  Após a fecundação (Lua com Sol) há a bipartição da célula para que haja a multiplicação e o crescimento. Este plano é de Mercúrio, é a primeira fase de adaptação do novo ser. Mercúrio é adaptabilidade no meio.
A primeira adaptação da à um mundo diferente, é feita através da respiração, ela tem que sair de um ambiente líquido e se adaptar à atmosfera.
Mercúrio rege Gêmeos, que está ligado à respiração. Ao longo da vida, o homem terá que se adaptar constantemente à novas situações, para isso, ele terá que perceber e captar.
A percepção é coisa mercuriana, porém não é uma percepção subjetiva (interna) e sim adjetiva (pelos cinco sentidos).
Mercúrio é a diversificação do pensamento, é a primeira etapa da diversificação, é o primeiro estágio da diversificação do conhecimento, através do pensamento, e este está ligado à Mercúrio e Gêmeos.


Pensamento livre não raciocina. Assimilação, aprendizado, é aquilo que eu capto por meu intelecto. A expressão do que eu sei, conheço da minha idéia, são elementos mercurianos. A expressão do homem, nada mais é do que um veículo da comunicação de suas idéias. Essas idéias, não precisam necessariamenteserem criadas por ele. Ele pode adquiri-las à medida que vai crescendo, absorvendo, e captando informações exteriores, que farão parte de suas próprias idéias. Estas podem ser comunicadas através da palavra, da escrita, do desenho, etc...
A função mercuriana, ela não é exatamente a palavra ou a escrita, e sim a expressão da comunicação. Através de Mercúrio, eu troco informações com os outros. Ele é a conexão daquilo que uma pessoa está falando e eu assimilando, ou daquilo que estou pensando e transmitindo. É a troca, Mercúrio só existe em tempo de dois, nunca em de um. Enquanto Marte, Sol, ascendente são símbolos da umidade, Mercúrio é o símbolo da dualidade, da duplicidade, da divisão, é o movimento. Não só o movimento real que é a locomoção, mas também o movimento da relação, que é a troca de ar nos pulmões.
Mercúrio é o símbolo dual, da multiplicidade, todos os meus movimentos, estão ligados a Mercúrio. Ele rege a locomoção. E é através do movimento que eu capto e conheço melhor as coisas. Mercúrio, está ligado às viagens pequenas e rápidas. Em trânsito ativo, de Mercúrio, significa que estamos aptos a nos locomover e captar melhor as coisas, é ótimo período para viagens. Em trânsito passivo, a pessoa fica tão dispersiva e agitada que não capta bem as coisas. Respiração sistema nervoso (nervosismo), movimento (locomoção), isto está ligado à Mercúrio.
O planeta e o signo transmitem sua energia à Casa que estão: Exemplo: Mercúrio em Sagitário, transmite o aprofundamento do conhecimento, a perfeição filosófica. Mercúrio é a consciência da Alma.
Em signo fixo, determina as duas radicais: 1a - Em Cardinais, impulsividade no falar. 2a - Em mutáveis, instabilidade nas idéias.

·     Comunicação. Intelecto. Meios de comunicação. Documentos, cartas, telefonemas, locomoção. Rege o aparelho respiratório e sistema nervoso. Irmãos, vizinhos e parentes próximos. É a representação do ser pensante, da análise, da troca de idéias e valores intelectuais. Mercúrio também representa a jovialidade das coisas. O signo onde está Mercúrio trará' o modo como funciona o raciocínio e a associação de idéias. A Casa Zodiacal onde Mercúrio está num tema natal, marcará' os interesses intelectuais ou de busca de conhecimento e participação. É exatamente nessa Casa onde se busca uma maior compreensão dos fatos e temas a ela ligados.

Representa a inteligência, a comunicação, as trocas, a maneira que você possui de informar-se e expressar-se. Indica de que maneira você desliga-se da ignorância e atinge à compreensão. Ele está associado aos trabalhos do intelecto como escrever, ensinar e aprender.


Na sua pior utilização, surge o mentiroso, o ladrão, o superficial. Já em sua melhor apresentação, encontraremos aquela pessoa alegre, brincalhona, estudiosa, inteligente...

Mercúrio é o regente de Gêmeos, na Mitologia é o deus da comunicação e da eloqüência, mensageiro principal de Zeus com os mortais. A sua inteligência é o seu melhor veículo para compreender o mundo e a você mesmo, mas ela também pode nos trapacear, pois tem limites. Ela pode unir e separar. No Mapa, podemos ter pistas de qual é a melhor maneira de você utilizar a sua inteligência.



CERES  (rege o signo de Virgem)    

Ceres é o planeta que representa a Natureza cultivada, assim como a ordem, o método, a análise e a saúde. No Mapa vai indicar onde você precisa organizar melhor as coisas e cultivar o que houver de melhor em si mesmo.

Estas são algumas maneiras que você possui de aplicar melhor as suas capacidades enquanto uma pessoa ordeira, limpa, saudável, metódica e organizada, evitando a permanência em atitudes doentias e insistindo em comportamentos superprotetores ou em críticas estéreis que poderão até contribuir negativamente para a sua saúde.

Essa Grande Mãe que acolhe, cuida e cura é a regente do signo de Virgem e, na Mitologia, era também a deusa da fertilidade, o que serve para nos lembrar que é assim que deve ser a nossa vida: fértil e produtiva.




VÊNUS - (rege os signos de Touro e Libra)
                                                                                                           

  Depois da bipartição e multiplicação, se dá o crescimento. Neste plano, trazendo a forma, o acúmulo da matéria e o embelezamento desta forma, temos Vênus. Ele está ligado ao embelezamento das coisas, das pessoas, é a natureza se embelezando. Ele é o florir da natureza, é a primavera (que é quando a natureza se enfeita e tem beleza). Já Saturno, é a época em que tudo cai, já floriu, já deu frutos e depois envelhecem.  
Vênus é a juventude, é a descoberta do corpo, do amor, do desejo e da atração. Isto não quer dizer que Vênus signifique isto, mas marca um período na juventude, onde começa a ativação desta. Também não quer dizer que a criança não tenha aspectos venusianos, a vaidade; também não quer dizer que não tenha aspectos saturninos como amadurecimento e responsabilidade. Quando a criança traz um dever da escola para fazer em casa (tem a responsabilidade de Saturno), mas isto só será realmente vivido na maturidade. Vênus é o símbolo Yin, feminino, e está ligado ao arquétipo da mulher, ao desejo, à satisfação dos sentidos, à sensibilidade, ao afeto e ao carinho.


Vênus, é regente em Touro e está ligado à conservação, e então, eu me embelezo para conservar a união, para atrair e ter alguma coisa além de mim, que é um comparativo, uma relação. A conservação, pressupõe à materialização, ao segurar, ao manter, ter próximo à si, sentir as coisas na própria pele.
Vênus está ligado ao desejo material da pessoa, ao acúmulo, aos sentidos concretos do homem e aos sentimentos de apego (em trânsito, quando se tem na quadratura de Vênus, pode se ter apegos e desejos demais, sem concretização), é querer uma pessoa muito próxima.
Vênus, é todo um sentido de relação direta do sentimento (os 5 sentidos) não a emoção (Lua em Câncer). Ele está ligado à relação afetiva, aos sentidossensoriais, também estética e ao gosto das pessoas.
Vênus, (no Mapa) mostra o conceito de beleza que a pessoa tem. Exemplo: (Quem tem Vênus em Aquário vai mostrar-se uma pessoa de gosto diferente, Vênus em Câncer mostra uma pessoa ligada à emoção, se a coisa é fria, não é bela).
Vênus em qualquer Horóscopo, mostra o lado feminino na pessoa. Em Horóscopo de mulher mostra a própria feminilidade, em Horóscopo de homem, mostra o seu lado feminino. A Lua está ligada ao lado mãe, e Vênus está ligado ao desejo que o homem tem pela mulher, isto é, no tipo de mulher que ele idealiza e aprecia. Exemplo: Se ele tem Vênus em Peixes, vai gostar de uma mulher com características piscianas, isto é sensível, tranqüila, etc... O homem tem o Sol em conjunção com Vênus, terá certo grau de feminilidade. Ele entende a mulher e se identifica com ela, isto não quer dizer que seja efeminado.
Vênus em Libra é mais espiritual, mais intelectual, mais de conceitos (com maneiras diplomáticas nos relacionamentos). Em Touro, Vênus é relacionamento material, sensual de desejos.
Na saúde, Vênus está ligado ao desejo (a satisfação dos sentidos, gula, desejo sexual), as glândulas, podem indicar uma tendência para engordar ou emagrecer, isto é, descontrole glandular.
Vênus também está ligado ao poder da fecundação: Exemplo: em trânsito ou no Mapa com conjunção com Júpiter dá uma mulher com muita feminilidade.
·     Relacionamentos. Estética, projeção de gostar, afeto, amor e vida sentimental. Rege principalmente os rins. As artes sao regidas por Vênus. Este planeta traz a necessidade de complemento através do outro. Onde está Vênus num tema natal masculino, indica que tipo de mulher que ele deseja atrair para si. Por sua vez,  num mapa natal de uma mulher, onde está Vênus. É a postura que ela toma para o poder de atração de seu parceiro. Através de Vênus É que entramos em contato com todas as nossas projeções e preferências, e interagimos no "outro" e na sociedade.





Vênus representa a sua sensibilidade, o sentido de belo e o afeto com que você lida com as pessoas e situações. A Casa do Mapa onde estiver Vênus é onde você precisa agir com delicadeza e suavidade. Assim, poderemos acessar nossa melhor parte, despertando nosso lado gentil, sensível, bonito e até artístico...porque o amor é uma arte!

Quando você afasta-se dela, surge então a feiúra, a insensibilidade, o melindre. Vênus é o planeta regente de Touro, na Mitologia está associada a deusa do Amor, Afrodite, nascida das espumas do mar com o sêmen de Ouranus (o Céu), ao ser castrado por Saturno.

O amor é a única porta de acesso ao Infinito que habita em nós, portanto, a beleza deverá ser sempre o reflexo de uma Beleza Maior. Por exemplo, quando observamos um pôr do sol, nossa alma é tocada pela Infinitude que esta beleza espelha em nós.





Pallas - (rege o signo de Libra)


Pallas representa a virtude e o equilíbrio, além de remeter à imagem da Sabedoria aliada à prática da vida. Na Casa astrológica onde ela estiver, indicará onde você deve lutar para expulsar todo e qualquer vício e, acima de tudo, estabelecer a virtude como condição de poder tomar o leme de sua própria existência.

Ao realizar esta tarefa com sucesso, você conseguirá fazer brilhar sua melhor parte, realçando suas virtudes e tornando-se equilibrado, comprometido com seus objetivos e justo em suas decisões. Ao contrário, quando abre mão dessas prerrogativas e opta pelo lado viciado das coisas, você permite que sua pior parte prevaleça, tornando-se uma pessoa leviana, omissa e fofoqueira, além de promover intrigas com uma facilidade indesejável.

Palas é a regente do signo de Libra e, na Mitologia, é a deusa virgem da "guerra justa", aquela luta da qual você não pode fugir e que deve empreender para conservar o que existe de puro em si próprio, além de manter o que há de mais justo e equilibrado em sua vida.

Não esqueça que Pallas é uma guerreira, que o símbolo de Libra é uma balança e que a Justiça geralmente é representada pela espada e a balança... Provavelmente para não perdermos de vista a necessidade de sermos ponderados, pesarmos e medirmos tudo que for necessário, mas também não ficarmos indecisos na hora de usarmos a espada, porque, com certeza, existem coisas que não merecem serem medidas ou pesadas!






MARTE - (rege o signo de Áries)   

   
Marte é o impulso do nascer, do sair para fora, é o crescer para chegar ao Sol. O plano de Marte indica este impulso, esta força. Marte é o início da luta do homem, do impulso que ele dá para vencer. É o entrar na vida, lutando para obter um  lugar ao Sol, é a própria corrida (competição) na vida. Marte representa a força propulsora do impulso que gera a obtenção das coisas que nós desejamos.
Marte é o regente de Áries, é o segundo arquétipo da força que cria a vida, desta força que faz o homem alcançar adiante e criar a idéia. Eu luto, imponho através da força de minha vontade. Marte está ligado à força da individualidade. O símbolo de Marte é um círculo com uma flecha em sentido oblíquo, ou seja, a força de Marte está dirigida para um alvo, é uma força extremamente objetiva. O seu símbolo lembra o arco e a flecha, onde eu faço força para atirar até um alvo determinado. Esse alvo à ser alcançado tem a medida exata da força que eu tenho que aplicar. Onde temos Marte, é onde lutamos, pois ele representa a nossa força de vontade para chegarmos a conseguir um lugar ao Sol e para isso, teremos que ser agressivos com o mundo, pois ele o é conosco.
Por isso Marte mexe com a nossa força impulsiva e com a nossa agressividade. Ele é a coragem que temos para colocar para fora e estar ligado à competição. Onde temos Marte, temos a nossa força de luta para competir e querer chegar à frente. Marte é um símbolo Yang (Masculino) de força, é o fruto da batalha, é o comando, é o símbolo da minha verdade. Ele mostra de que maneira expressamos nossa verdade. Com segurança ou insegurança, com dificuldade ou facilidade, ações impulsiva ou amadurecidas. Ele está ligado aos pensamentos, tanto físicos como psíquicos. Quando Marte é mal aspectual, a pessoa tem tendência a ferir-se com facilidade. Marte, pelo signo em que está, mostrará a força de luta do indivíduo. Exemplo: Quem tem Marte em Câncer, sua força será maior no sentido de proteger do que impor a sua vontade, esta força, vem com emoção e não com impulso e decisão. Marte no Meio do Céu, mostra uma pessoa que luta pelos seus objetivos, está ligado à uma pessoa que quer exercer liderança.
Na mulher, Marte na 10a Casa, pode fixar a presença masculina marcante de incentivo e impulso na profissão dela e na própria, ou a necessidade de buscar a própria liberdade profissional, mas muitas vezes isto pode canalizar para a figura masculina de sua vida.
Em Horóscopo de ambos os sexos, é um dado de masculinidade, no homem representa de que maneira se manifesta a masculinidade, se agressivamente (fogo), objetivamente (terra), racionalmente (ar), emocionalmente (água). Exemplo: Marte em Câncer será manifestado de maneira emocional, sensível, protetoramente. No Horóscopo da mulher de Marte, representa a capacidade de impulso dela e também o seu conceito de masculinidade. Com Marte em Câncer, ela tem necessidade de um homem protetor, que compreenda a sua sensibilidade e emotividade feminina; Marte em Leão, ela quer um homem que seja arrojado, agressivo na busca que ele quer. Marte simboliza a força
objetiva do homem, da figura masculina (pode ser a figura paterna). Marte no Horóscopo simboliza o impulso que eu dou para conseguir meus objetivos, minha ação independente. Urano também é impulso, mas o alvo é o futuro. Marte, o alvo é objetivo concreto, é o que quero alcançar agora. Plutão também é força, mas inteiramente diferente da força de Marte, é a força objetiva, é o poder, enquanto Marte é luta externa, objetiva, é dirigida à um alvo determinado.
·     Ação, energia, impulso, força, coragem, auto-afirmação, sexualidade. Rege o sangue, adrenalina e a força muscular. Com Marte, um tema natal ganha a expressão, a necessidade de atividade externa. Num tema natal masculino, indica como o homem irá' agir com uma mulher. E em um tema natal feminino, Marte indica por que perfil de homem essa mulher se sentirá' atraída. A coragem e determinação também são características marcianas. O desejo, a ambição e a agressividade também.

Marte representa, em sua psique, a energia que você coloca em tudo  e a força
que usa para   abrir os seus próprios caminhos. No Mapa, ele indicará o setor da  sua   vida  onde  mais   se  concentrará  essa  força,  onde  deverá lutar   e
enfrentar   os  desafios  com   coragem,  pois  apesar  dos   "ferimentos"    que geralmente acontecem, as conquistas também certamente virão.

Quando  você usa  da melhor  maneira  essa  sua  capacidade  de lutar  pelas
coisas que quer, desperta a sua verdadeira força, a  energia  mais qualificada,
a vontade mais consciente e melhor dirigida para a conquista de suas mais
importantes batalhas.

Quando abre mão disso, pode despertar o pior que há em  você,  respondendo  às  situações  da   vida  com  violência,   agressividade,   rudeza  e,   às  vezes, ficando sem a energia necessária para realizar até as pequenas coisas.

É importante  sempre  lembrar  que  Marte,  regente  do  signo  de  Áries,   na Mitologia, é o deus da guerra e que mesmo não saindo vencedor em todas   as
situações, não devemos  perder  de  vista  o  Herói  e  o  Guerreiro  que  existe
dentro de cada um de nós.


JÚPITER - (rege o signo de Sagitário)

   Se Marte é luta, Júpiter é a recompensa pela nossa luta. Júpiter é  crescimento, desenvolvimento, elevação, é onde eu começo colher os frutos da minha luta. Onde eu tenho Júpiter, tenho resultados daquilo que plantei, eu encontro satisfação e felicidade. Quem tem Júpiter bem aspectual é uma pessoa que sabe estruturar bem a sua vida, sabe plantar bem, e quem planta bem colhe bem. Já aquele que tem Júpiter mal aspectual, não sabe estruturar a sua vida, planta mal e colhe mal, ficando insatisfeito e frustrado. Júpiter mal aspectual também significa excesso à pessoa que quer mais do que precisa. Exemplo: em trânsito de Júpiter, quadratura de Vênus, a pessoa, não sabe a medida das coisas. Espera mais atenção e carinho que o parceiro pode dar, ou melhor, do que ele necessita. Ela não sabe o grau de sua necessidade.
Júpiter também é Justiça, está ligado ao grau da Justiça que temos. Onde temos Júpiter, aí está sua satisfação e felicidade, mas como o homem, nunca busca a felicidade onde ela está, vai buscá-la onde há dificuldade, em Saturno, que é a limitação.
Por isso, em conjunção com Saturno, o Júpiter é um bom aspecto, traz equilíbrio. Júpiter não é lento, é evolutivo, é o ir para a frente na medida certa. Ele não é impulsivo, mas equilibrado. Ele será aquilo que vamos conseguindo aos poucos, através do nosso trabalho.
Júpiter são as nossa obtenções, fala-se em Júpiter como a nossa fortuna (em italiano quer dizer Sorte) não materialmente falando, é onde temos proteção. Se Júpiter está em minha 5a Casa, minha fortuna, são meus filhos, meus amores, etc... se ele está na 7a Casa, serão minhas uniões e relacionamentos, se está na 3a Casa, será o que aprendo e assimilo, e na 2a Casa é a proteção ao meu esforço, os meus ganhos. Na 1a Casa, é a minha personalidade, é a proteção da minha pessoa, meus relacionamentos, é o que desenvolvo e cresço em mim mesmo, sou expansivo e agradável à todos.
Júpiter na 9a Casa, é o crescer através do conhecimento, é a cultura, mas Júpiter nesta Casa, causa um grau de insatisfação muito grande, a pessoa está sempre buscando além.
Júpiter está ligado à saúde, é o poder de crescimento e recuperação.
Júpiter dá insatisfação na quadratura e conjunção.
·     Expansão. Exagero, otimismo, viagens, processos legais, justiça. Rege o fígado. Os valores morais, religiosos e filosóficos são regidos por Júpiter. Onde está Júpiter ("A Boa Estrela") num tema natal, haverá expansão e crescimento naquela Casa. Exageros também! Os crescimentos espirituais também acontecem por atuação de Júpiter num tema. O lado benéfico, a generosidade e a caridade de um indivíduo, são marcas jupiterianas. A capacidade de julgar ou de justiça, vem de colorações de Júpiter.

Júpiter representa o poder, a autoridade, a sabedoria e a razão. Ele é o maior de todos os planetas, é conhecido como o planeta da sorte e, na Mitologia, é maior de todos os deuses. No Mapa, ele vai indicar o setor prático onde você geralmente tem mais sorte e também o ponto de expansão da sua alma.

Quando você permite que o Mestre que há em você desabroche, utilizando as melhores qualidades de Júpiter, apresenta-se como uma pessoa otimista, sábia e cuja autoridade não precisa ser imposta pela força, pois ela impõe-se por si só. Mas se você abrir mão dessa autoridade verdadeira, torna-se facilmente autoritário; se esquecer também da sabedoria que transcende os conceitos e os preconceitos, pode iludir-se, achando que pode tudo e, como a onipotência não é uma prerrogativa dos mortais, torna-se infalivelmente prepotente e, consequentemente, impotente.

Júpiter rege o signo de Sagitário e na Mitologia é o "pai dos deuses e dos homens", aquele que, depois de longas batalhas, finalmente estabeleceu a Harmonia das Esferas e a manteve, numa alegoria para que nós também façamos a mesma coisa, nos harmonizando com tudo a nossa volta.


SATURNO - (rege o signo de Capricórnio)
  Depois que a planta cresceu e frutificou, ela chega agora ao último plano  concreto. Caem os frutos e as folhas, ficando somente o tronco e as raízes. Do fruto sairá nova semente, para que possa haver a perpetuação da espécie. O homem que já tem suas lutas (em Marte), seus ganhos em Vênus), seus haveres e merecimentos, no plano (em Júpiter), tem agora que conservar e arcar com as responsabilidades de todas as experiências.
Podemos dizer que Saturno é a concretização, resume todos os passos de Vênus à Júpiter, de certa forma, ele abrange todo este significado. Por ser o último dos planetas à nível concreto, Saturno vai fechar o mundo da realidade, representando a morte do homem, no sentido físico. Ele é o limite do tempo e espaço, pois a razão do homem é o seu limite. Saturno é a preocupação em manter uma estrutura sólida, em nível real e concreto de vida. Uma experiência saturnina é feita com responsabilidade e amadurecimento, e tem a preocupação de levar à um determinado caminho, a concretização.
Capricórnio, cujo regente é Saturno, está muito ligado à realidade, pressupõe o presente, mas o presente para Capricórnio significa construir as estruturas sólidas e firmes de hoje, para poder viver com realidade, o amanhã. Seria atingir uma segurança através de uma realidade tangível e madura, e isto nos leva àuma realidade saturnina, que é, precaução, cautela, seriedade, paciência, maturidade.
Saturno está ligado à auto realização, ele é considerado na Astrologia Esotérica, como o Planeta do Carma, onde Saturno está, aí está o nosso Carma. Mas no sentido de aprendizado, crescimento, desenvolvimento e evolução. Por isso dizem que, onde está Saturno, há muitos obstáculos à serem vencidos. Dá-se muita importância à Saturno, por ser o Planeta que representa o grau da realidade do homem, a alta realização e a tomada de consciência das experiências pelas quais o homem passa. Saturno é viver a dureza de cada experiência, por mais pura que a experiência seja, ela sempre tem a dureza da realidade. Saturno nos leva a experimentar a limitação, que é uma característica do mando material. Saturno também está ligado nos deveres, e ao conceito de, Dever e responsabilidade.
Pela posições de Saturno no Horóscopo, dá para sentir, como uma pessoa arcará seu próprio dever (o dever com ele mesmo). É claro que a pessoa assume suas próprias responsabilidades, ela tem um limite, e este, é Saturno. O Mapa também vai indicar, até que ponto a pessoa tem consciência de seus próprios limites e de que maneira trabalha este limite.
Se a pessoa tiver Saturno muito pressionado, poderá ter dificuldade em saber seus limites e conseqüentemente, em concretizar o seu amadurecimento. A posição de Saturno, também nos mostra, de que maneira a pessoa irá sentir as experiências, se será à nível psicológico ou emocional. Se ele tiver numa Casa de Terra, serão à nível concreto, em Casa de Fogo, serão limitações no impulso, naquilo que a pessoa coloca para fora, pela própria força, na Casa

de Ar, vem pelo pensamento, pelo intelecto, não racionalmente, na Casa de Água, à nível emocional e inconsciente. O símbolo de Saturno, é uma cruz e uma foice, pode ser visto também como uma Âncora. A Cruz, representa o sofrimento, aquilo que nos incomoda, a Foice é o que corta, é o limite do tempo e a Âncora é o que prende e segura. Por isso onde temos Saturno, temos um ponto fixo, um pé preso, impedindo uma saída. No Horóscopo, Saturno, simbolizaum ponto de sensibilidade, uma área de vida, onde temos que lutar para vencer a limitação, através de uma abordagem séria e concreta dos problemas. A posição de Saturno, revela ainda onde o indivíduo sente a dificuldade da experiência, o peso, a limitação, e onde por isso, se vê a trabalhar duramente para criar a segurança e a estabilidade.
É nessa área que a pessoa deve se adaptar às necessidades práticas da vida, à despeito de qualquer medo ou ansiedade que possa sentir, fazendo um esforço extra e assumindo novas responsabilidades.
Saturno nos mostra a verdadeira natureza do mundo material, sua influência, a necessidade de encararmos com realidade, é saber o ponto de vista prático e objetivo das coisas da vida. Ele nos leva a experimentar a limitação.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.