Siga por e-mail

Seguidores

segunda-feira, 3 de junho de 2013

Diferença entre Imanência e Transcedência – A Wicca é Panteísta?




Vou apresentar as ideias de forma bem sucinta e resumida. Caso alguém se interesse, posso aprofundar mais o assunto.

Transcendência é a ideia, dominante na filosofia tanto Ocidental quanto Oriental, de que há uma separação entre o plano físico e o plano espiritual. Ou, na modernidade Ocidental, uma separação entre corpo e mente. Quando transplantada à religiosidade, tal ideia leva à crença na existência de divindades transcendentes, ou seja, que “habitam” um plano de existência diferente do “nosso”.

A ideia de transcendência também leva à conclusão de que existem valores morais e estéticos absolutos pré-determinados, iguais e universais para todos os seres. Assim, nessa visão, existiriam um Mal absoluto, um Bem absoluto, um Belo absoluto, etc. É a visão representada na modernidade ocidental, principalmente, dentre outros, pelos pensamentos Cartesiano e Kantiano.

Já a imanência é a ideia de que não há separação entre planos, seja corpo/espírito, seja corpo/mente. Quando transplantada à religiosidade, essa ideia nos leva à crença na não existência de divindades, o ateísmo, ou na crença em divindades imanentes, que são a própria Natureza, o próprio Universo, o panteísmo.

Com relação à moralidade, a imanência leva a uma crença na responsabilidade do indivíduo e da sociedade, sem o estabelecimento de valores absolutos, universais. Assim, nessa visão, Mal é o que me prejudica ou prejudica a minha sociedade, Bem é o que, ao contrário, me ajuda ou ajuda a minha sociedade, Belo é o que eu ou a minha sociedade admiramos como Belo, etc. É a visão representada na modernidade ocidental, principalmente, dentre outros, pelos pensamentos de Spinoza e Nietzche. É também a visão amplamente majoritária, explícita ou implicitamente, dentre os autores ditos pós-modernos.

A Wicca como a TDB, e a maioria das outras tradições de Wicca, pratica se encaixa, obviamente, dentro da visão de imanência. E aí vem a segunda pergunta da Vanessa: A Wicca é panteísta?

Nesse ponto a coisa se complica um pouco, dada a grande variedade de pensamentos dentre as diversas concepções de Wicca. Eu diria que, em sua maioria, os wiccanianos são panteístas. Se você acredita numa divindade imanente, você é provavelmente panteísta.

Por que provavelmente? Por que há algumas visões que dizem que a divindade, além de ser imanente a todo o Universo, é também “algo mais” que isso. Há ainda, no que eu acredito ser uma minoria das tradições wiccanianas, a crença num Uno transcendente anterior aos Deuses que, esses sim, são imanentes. Essas visões, que trazem de volta um pouco de transcendência, são chamadas de panenteísmo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.